Newsletter
Subscreva a nossa newsletter

Newsletter

FacebookTwitter
Jornal do Concelho de Oleiros | Directora: Daniela Silva | Periodicidade: Trimestral | Agosto 2021 nº79 Ano XVII
Mais Oleiros: António Jorge Antunes apresenta linhas de ação
Anto ́nio Jorge AntunesAntónio Jorge Antunes, candidato à Câmara de Oleiros pelo Movimento Mais Oleiros, apresentou, no passado dia 29 de agosto, publicamente a sua candidatura.
No jantar de apresentação, além daquele candidato intervieram ainda o atual vereador Jorge Mendes Dias, candidato à Assembleia Municipal e o mandatário da candidatura, Joaquim Pedroso (a candidatura tem também o empresário João Paulo Ribeiro como mandatário).
O Mais Oleiros apresentará listas à Câmara de Oleiros, Assembleia Municipal e a seis juntas de freguesia.
Citado na nota enviada ao Oleiros Magazine, a candidatura António Jorge Antunes revela que  o movimento que lidera “integra pessoas de diferentes
sensibilidades políticas” e que o Mais Oleiros é o espaço político para todos os que não se reveem na atual gestão da autarquia".
No seu discurso disse que "não há que ter medo da mudança que representamos. Para nós, mudança significa  melhorar, afinar, aperfeiçoar, integrar, progredir! Seremos também uma equipa de ideias próprias, bem estruturadas epensadas com  base naquilo que é a nossa avaliação das necessidades do concelho e do contexto  nacional dos próximos anos".
António Jorge Antunes lembrou que "recebi do meu pai um concelho de Oleiros melhor do que aquele que ele recebeu  do meu avô e o rumo que atualmente levamos leva-me a recear que se nada mudar  deixarei um concelho de Oleiros aos meus filhos, pior do que aquele que eu recebi".
No entender daquele candidato, "existem hoje novos modelos de trabalho que temos a obrigação de explorar e  perceber de que forma os podemos adaptar à nossa realidade". Por isso considera fundamental "criar condições para que ideias se transformem em negócios; Captar Investimentos; Mas sobretudo dar a mão ao nosso comércio tradicional para ajudar os que estão de  porta aberta consigam atravessar estes tempos difíceis". Considera ainda que importa "valorizar e melhorar os nossos parques industriais, mas também facilitar a vida dos nossos empresários. A autarquia tem que ser uma porta aberta e um parceiro que desburocratiza os  procedimentos, que apoia o esforço dos seus investimentos. Preocupam-me os nossos empresários que atuam na área do turismo".
Lembrou também que a "natureza é a nossa riqueza e é também a nossa imagem de marca".