Newsletter
Subscreva a nossa newsletter

Newsletter

FacebookTwitter
Jornal do Concelho de Oleiros | Directora: Daniela Silva | Periodicidade: Trimestral | Abril 2022 nº81 Ano XVIII
Município de Oleiros
14 milhões de euros de orçamento

1325766685Municipio De OleirosA Câmara de Oleiros tem aprovado um orçamento de 14 milhões de euros para o ano de 2022. A proposta foi aprovada por maioria, quer no executivo, quer na Assembleia Municipal (votos favoráveis do PSD, no órgão executivo, e do grupo municipal PSD/PPF, no órgão deliberativo, e a abstenção do grupo MCO.
O documento reflete, no entender da autarquia, “um forte investimento a pensar na valorização do território e das suas gentes, numa lógica de sustentabilidade e de eficiência na afetação dos recursos”.
Fernando Jorge, presidente da Câmara, assegura que o Município continuará “a assegurar a prestação de serviços públicos de qualidade a todas as pessoas. Trabalharemos afincadamente e com toda a energia“.
O autarca quer afirmar o concelho “como um território empreendedor, inovador e atrativo, ambiental e socialmente responsável, onde todos tenham satisfação em residir, trabalhar e estudar e os seus visitantes, vontade de regressar”.
A aposta nos domínios do social, através de medidas e boas práticas que têm distinguido o município a nível nacional, continua a estar presente.
O orçamento prevê mais de 8 milhões de euros para investimento, destacando-se o apoio ao empreendedorismo, a ampliação da Zona Industrial de Açude Pinto, a instalação de um centro de incubação e desenvolvimento de empresas, a criação de um espaço coworking, a implementação do Miradouro do Zebro, a dinamização do Parque das Devesas Altas, a recuperação e valorização do corredor verde do futuro Parque Ribeirinho de Oleiros e a conservação e restauro do património artístico religioso do concelho, nomeadamente na Igreja Matriz de Oleiros.
O Município destaca ainda a eficiência energética e o investimento na rede viária municipal, com a requalificação da ponte em Roda (Oleiros), a pavimentação do CM entre as localidades de Adgiraldo e Ingarnal (limite do concelho), a pavimentação entre as localidades de Sendinho da Senhora e Amieira, bem como o calcetamento nas ruas do concelho.
“A implementação de Áreas Integradas de Gestão da Paisagem (AIGP) e do Condomínio da Aldeia, a elaboração do cadastro simplificado concelhio, a criação e manutenção das faixas de gestão de combustível e da viária florestal, bem como o apoio às Equipas de Intervenção Permanente (EIP´S), são outras ações também prioritárias”, revela a autarquia.
Em 2022 irá também manter-se o Orçamento Participativo, com uma dotação de 50 mil euros.